Não sei, só sei que sou assim

14 de junho de 2013

É lá ali no perfil do blog, mais especificamente no Quem? que vocês leem sobre mim. Porém, se vocês notarem bem não falo como sou, só falo dos meus gostos, que definem uma pequena parte do que sou, mas não é nem metade do que faz parte de mim. Por que será? É porque para mim é difícil falar, de verdade, quem sou, pois não é fácil admitir defeitos, e eu tenho vários. Aliás, tenho um problema: vejo problemas em tudo o que eu faço. Mas pode-se dizer que isso seja um pouco de perfeccionismo, não querer expor meus defeitos. Como se, inconscientemente, eu não quisesse revelar nada sobre mim, e quando escrevo consigo burlar o modo de descrição e acabo nem mostrando como realmente sou.

Quando leio perfis de blogs pela internet afora, normalmente o texto que se lê vem com uma frase inicialmente explicativa acima: “não sei me descrever”, “não sei falar sobre mim mesma(o)”, mas abaixo você pode ver uns três a quatro parágrafos explicando quem é a(o) dona(o) do blog. Ou seja, tem gente que sabe, sim, falar sobre si, mas faz de conta que não sabe, porque ser incompreendida hoje em dia é ser, de certo modo, cool.  Não, não estou querendo apontar o dedo, mas olhem só... Eu gosto de reclamar, então aí vai um defeito bem grandão: eu sou bem rabugenta. Falo do que não gosto mais do que falo do que realmente gosto; sintoma de quem está ficando velho, e olha que ainda estou na casa dos 20. O que sobrará quando eu for sessentona?

“Ah, mas defeitos todo mundo tem”, e quem gosta de admitir que tem vários defeitos? Aí vai mais um: eu não sei me expressar verbalmente. Terrivelmente difícil eu lembrar palavras que expliquem o que estou querendo dizer, e mesmo na escrita é assim de vez em quando. Invejo que tem o dom da eloquência. É por isso que eu demoro para escrever textos e não consigo passar de três parágrafos – e isso me incomoda profundamente.

Para mim, minhas qualidades são apenas o gosto sobre as coisas. Gosto de desenhar, mas isso não quer dizer que eu seja boa, minha qualidade é gostar de desenhar. Deu pra compreender? Eu gosto de fotografia, gosto de ler, gosto de assistir filmes. Contudo, nada disso transforma-se em algum talento, e sim, apenas os gostos que tenho. Só consigo me definir assim, mas se você quiser eu posso dizer mais alguns defeitos, então fica mais fácil me descrever: eu sou chorona, mas não choro na frente de ninguém; sou ciumenta, mas não faço cena na frente de ninguém; sou crítica, mas só critico a mim mesma (bom, nem sempre).

Parafraseando Clarice – a Falcão, não a Lispector – se não fosse a rabugice, a preguiça e a dificuldade de saber quem sou, não seria eu - e a última frase é até irônica. Sabe, não é tão difícil assumir sobre os defeitos. É até mais difícil definir qualidades.
Então, concluindo que, no meu caso, são os defeitos que me definem e que as qualidades são apenas parte do meu gosto, que são apenas parte do que eu realmente sou. Acho que ficou confuso, mas também não dá para querer que tudo seja perfeito. E talvez eu não admita que tenha um defeito: que eu seja dramática demais.




Bons Sonhos

3 comentários:

  1. Simpatizei com seu blog, já sou mais uma seguidora.

    http://blogdanielice.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. "Para mim, minhas qualidades são apenas o gosto sobre as coisas. Gosto de desenhar, mas isso não quer dizer que eu seja boa, minha qualidade é gostar de desenhar."
    Poxa nunca tinha pensado nisso, que lindo lindo lindo! Adorei.
    E eu nem sei o que falar de mim mesmo, por isso que nem me dei ao trabalho no meu blog haha, mas posso falar das coisas que gosto :P
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Sempre desconfio de quem sabe se descrever. Soa meio egocêntrico também. Não sei se dizer que não sabe se definir num perfil é "cool". Mas, a maioria faz como eu: se defini pelos seus gostos e pronto. É só esperar alguém se identifique com os seus gostos que está tudo bem.
    »»» Emilie Escreve

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo comentário e pela visita! ♥
Responderei assim que puder ;)

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan